Notícias

01/06/2020Bahia

“O caminho se faz ao caminhar”

Programa da FASE na Bahia realiza ações remotas de assessoria técnica


FASE Bahia¹

Apesar dos esforços de avaliação, planejamento, monitoramento e sistematização rotineiramente efetuados pela FASE para orientar suas atividades e definir suas estratégias, não se tinha nenhuma previsão institucional do cenário que se instalou em decorrência da Covid-19. As entidades que apoiam e financiam as ações da FASE na Bahia também não tinham visualizado nenhum cenário prevendo o fim da pandemia. 

Portanto, já na segunda quinzena de março de 2020, consolidou-se uma situação de impedimento de presença física de educadores e educadoras da FASE nas 24 comunidades onde há compromisso de assessorar tecnicamente 730  famílias agricultoras através do Projeto Bahia Produtiva, contrato celebrado com a Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR)  e a Secretaria de Desenvolvimento Rural  (SDR).

Ao mesmo tempo em que a FASE, enquanto instituição nacional, debatia normas e procedimentos para continuar trabalhando dentro deste novo cenário, integrantes da FASE Bahia dialogavam com entidades parceiras como os Sindicatos dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (Sintraf’s), associações, e cooperativa, para encontrar alternativas viáveis para minimizar as consequências negativas impostas pela pandemia na região.

Já na segunda quinzena de abril, a CAR SDR/Bahia Produtiva propôs às entidades contratadas a celebração de um Termo Aditivo Emergencial de Prazo e de Valor, por 60 dias e definindo quais atividades poderiam ser desenvolvidas remotamente. A FASE Bahia aceitou celebrar este Termo Aditivo e imediatamente se dedicou a replanejar suas ações de assessoria técnica, incorporando novos conceitos e práticas que permitem manter assessoria técnica às famílias agricultoras e suas organizações comunitárias, mesmo na impossibilidade de estar fisicamente presentes nas comunidades.

[1] Texto produzido pela equipe do programa da FASE na Bahia.

Enviando sua mensagem