Notícias

12/12/2017Fase

Todo apoio à greve de fome feita por militantes do MPA

Militantes do Movimento de Pequenos Agricultores (MPA) protestam contra a Reforma da Previdência do governo Michel Temer


A Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional (FASE) presta solidariedade a Samuel Carlos, Elielma Barros, José Valter Vitor e Eliana Sales de Alagoas, que começaram uma greve de fome nesta segunda-feira (11) em protesto contra a Reforma da Previdência proposta pelo governo de Michel Temer. Eles integram o Movimento de Pequenos Agricultores (MPA), que ocupa nesse momento a Assembleia Legislativa de Sergipe.

Greve de fome em Brasília. (Foto: Adilvane Spezia/MST)

O movimento também promove mobilizações sobre a temática em diversas regiões do país. A greve de fome em Sergipe se conecta à greve de fome iniciada por três integrantes do MPA em Brasília desde o dia 5 de dezembro: Josi Costa, Leila Denise e Frei Sergio Görgen. Houve, ainda, a adesão de Rosangela Piovizani e Rosa Jobi, ambas do Movimento de Mulheres Camponesas (MMC). Fábio Tinga, do Movimento das Trabalhadoras e Trabalhadores por Direitos (MTD), também aderiu ao jejum. Demonstramos nosso apoio a todos esses militantes.

O MPA afirmou em nota que vivemos um “momento duro de luta, onde os golpistas tentam impor de toda forma as medidas antipopulares e ameaça a Previdência, que representa a maior conquista da nossa democracia”. Assim como o movimento, tão importante na busca por soberania alimentar e na afirmação do direito humano à alimentação adequada e saudável, a FASE protesta e luta contra os atuais retrocessos e ataques aos direitos de trabalhadoras e trabalhadores do campo, da cidade e da floresta.

Enviando sua mensagem