Vídeos

Água, soberania e segurança alimentar


Água e alimento são vitais para a existência humana. No entanto, a produção e o acesso a esses bens para toda a população continua limitado. Agentes econômicos, com a conivência de muitos governos, tentam privatizar empresas responsáveis pelo abastecimento de água e aceleram a expansão do agronegócio degradando ou eliminando mananciais hídricos. São graves ameaças à vida no campo, na cidade e na floresta. Em vários centros urbanos o abastecimento de água é precário e, devido à lógica do monocultivo para a exportação de commodities, a nossa produção de alimentos não é suficiente para assegurar soberania, segurança alimentar e nutricional. A fome não para de aumentar em nosso país.

Para refletir sobre o tema e apresentar experiências bem sucedidas, que mostram o quanto é possível se produzir água e alimentos de qualidade para todas as pessoas, contamos, o Observatório do Saneamento (ONDAS) – articulação da qual a FASE é parte -, com Irene Cardoso (professora da UFV e integrante da Associação Brasileira de Agroecologia) e com Luiz Zarref (membro da coordenação do MST). A mediação será de Aercio B. de Oliveira (FASE Nacional e integrante do Conselho de Orientação do ONDAS).

 

Enviando sua mensagem