Notícias

09/11/2020Amazonia

Fórum Pan-Amazônico reunirá mais de 1mil pessoas em defesa da vida

De 12 a 15 de novembro acontece o IX Encontro Internacional do Fórum Social Pan-Amazônico (FOSPA), evento que visa a convergência de propostas para a defesa e a sobrevivência da vida na Amazônia


O IX Encontro Internacional do Fórum Social Pan-Amazônico (FOSPA) será realizado do dia 12 a 15 de novembro, de forma virtual. O evento,  que busca reunir a participação, coordenação, mobilização e alianças entre movimentos sociais, redes e expressões da sociedade civil organizada em todo o mundo, a fim de promover a convergência de propostas para a defesa e a sobrevivência da vida na Amazônia contará com a participação de mais de 1300 pessoas de várias comunidades e organizações da Colômbia, Brasil, Equador, Peru, Venezuela, Bolívia, Suriname, Guiana e Guiana Francesa [os nove países da Bacia Amazônica] e outros territórios que reconhecem a importância da área. Para esta 9ª edição foram recolhidos os avanços do encontro realizado em Tarapoto, no Peru, em 2017, assim como os 14 pré-fóruns que durante três anos os diferentes comitês nacionais e locais realizaram para fortalecer o trabalho organizacional. 

Adaptando-se às circunstâncias atuais e reconhecendo que as afrontas aos povos e ecossistemas da Amazônia não cessam, o FOSPA em Movimento será virtual, um ciclo de conversas e virtuais que visam compartilhar reflexões com a intenção de motivar mais atores a se unirem a essas importantes causas relacionadas em mapeamentos dos conflitos amazônicos, defesa dos rios, mudanças climáticas e da Amazônia, defesa dos órgãos-territórios das mulheres amazônico-andinas, negócios e direitos humanos na Amazônia, segurança alimentar e soberania, transição energética, democratização da comunicação, economias alternativas, promoção do uso da Convenção 169 da OIT na Amazônia e vidas negras na Amazônia.

Durante os dias do evento e graças ao apoio de rádios comunitárias e transmissões em tempo real [em espanhol, português, francês e inglês], as mais de 1300 pessoas inscritas poderão ampliar seus conhecimentos, discutir e gerar articulações com aqueles que convergirão em 150 pontos de participação coletiva presencial nos diferentes países da bacia e até mesmo em outros continentes. 

O Café Regional do último sábado (07), dedicou seu programa a explicar e convocar as comunidades de Santarém, no Pará, a participarem do FOSPA. Ouça!

Sobre o FOSPA

O processo FOSPA, ligado ao Fórum Social Mundial, está em andamento desde 2002. Atualmente, a Colômbia é o país anfitrião deste importante evento, precedido por oito reuniões internacionais realizadas no Brasil, Venezuela, Bolívia e Peru. Este processo é orientado por uma Carta de Princípios, que define o caráter de solidariedade, multinacional, intercultural, igualitário, sem fronteiras e comum, que se baseia na soberania, segurança, bem-estar e sabedoria ancestral dos povos amazônicos, para lutar contra modelos econômicos e de vida predatórios, extrativistas e patriarcais que há centenas de anos geram violência, mudanças climáticas, intervencionismo empresarial e militar em toda a região amazônica e no mundo.

O FOSPA articula várias demandas e se organiza de forma autônoma em comitês locais e nacionais que convergem no Comitê Internacional do FOSPA e em torno de Iniciativas de Ação (Ideias), onde pelo menos três organizações de diferentes países convergem em um propósito comum para garantir a implementação de ações que nos aproximem da justiça social, ambiental, econômica e de gênero na região amazônica de forma permanente. Ou seja, mais do que um evento, o FOSPA é um processo constante de luta.

Leia a Declaração Pública sobre o FOSPA.

Para mais informações acesse o site do FOSPA.

 

 

Enviando sua mensagem