A participação das mulheres nos espaços de decisão foi tema do primeiro programa Café Regional de 2022. Nesse sentido, no dia oito de janeiro as entrevistadas foram Ivete Bastos, Sileuza Barreto e Joiciene Nogueira. Todas são presidentas do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR) de Santarém, Mojuí dos Campos e Belterra, respectivamente. Rosenilce Victor,  presidenta da Federação das Associações de Moradores e Comunidades do Assentamento Agroextrativista da Gleba Lago Grande (FEAGLE), também foi ouvida. 

No dia 15, foi a vez de falar das lutas, conquistas e resistências das mulheres negras e das artesãs da região Amazônica. Assim, participaram Sônia Martins, secretária da Cooperativa de Turismo e Artesanato da Floresta (TURIARTE), cuja fundadora, a liderança comunitária Maria Odila Godinho, ganhou a última edição do prêmio Melhores do Ano, da TV Globo, na categoria Inspiração e Empreendedorismo Social. Fabíola Pinheiro e Nanci Teles, militantes do Coletivos de mulheres Negras Zélias de Monte Alegre também participaram da entrevista. Ambas falaram do lançamento do livro “Lugar de Fala: Mulheres Pretas do Tapajós e suas histórias”, organizado pelas integrantes do movimento e que em breve estará disponível de forma on-line.

Seguindo com o seu propósito de falar de iniciativas dos movimentos e organizações ao longo de 2021, no dia 22 de janeiro foi a vez de falar da atuação da juventudes em diversas ações e articulações. Os entrevistados foram Yuri Rodrigues, educador do programa da FASE na Amazônia; Walter Kumaruara, coordenador do coletivo Jovem Tapajônico; Darlon Neres e Thais Isabelle, representantes do coletivo Guardiões do Bem Viver

O Café Regional é uma iniciativa da FASE em parceria com a Rádio Rural de Santarém (PA) – 710 AM e que tem o apoio do Greenpeace.  O programa vai ao ar todos os sábados, a partir das 08h05 da manhã, mas todos os episódios ficam disponíveis aqui no nosso site.