Notícias

24/11/2017Segurança Alimentar

Articulação Nacional de Agroecologia (ANA) lança Carta Convocatória do IV ENA

Evento será realizado na capital mineira Belo Horizonte e terá como lema “Agroecologia e Democracia Unindo Campo e Cidade”


Clique para baixar a Carta.

A Articulação Nacional de Agroecologia (ANA) lança a Carta Convocatória do IV ENA¹ – encontro que será realizado de 31 de maio a 3 de junho de 2018, em Belo Horizonte (MG). O documento é um dos instrumentos de animação e organização dos processos de mobilização rumo a esta quarta edição do Encontro Nacional de Agroecologia (ENA). Apresenta os sentidos políticos, os objetivos e  as orientações estratégicas do IV ENA, traz sugestões para o processo de mobilização nos territórios, estados e regiões e elenca os temas que serão debatidos.

A Carta Convocatória destaca também que realizar o IV ENA no contexto de profunda crise que se vive no Brasil é um ato de resistência e de luta. Para fazer acontecer esse encontro e todos os momentos preparatórios é importante que todos que fazem parte da ANA², organizações, redes e movimentos sociais, adotem uma perspectiva colaborativa. O estímulo à produção e à doação de comida de verdade, assim como de remédios caseiros para a partilha com os participantes do ENA, será tão importante quanto a venda dos produtos e interação com a sociedade na feira dos Sabores e Saberes. É muito importante também que as redes e articulações estaduais mobilizem recursos e apoios para garantir o deslocamento das suas delegações até Belo Horizonte.

A expectativa é que o ENA reúna 2 mil pessoas de todos os estados do Brasil, sendo 70% de agricultores e agricultoras familiares, camponeses, povos indígenas, comunidades quilombolas, pescadores, outros povos e comunidades tradicionais, assentados e assentadas da reforma agrária e coletivos da agricultura urbana; 50% de mulheres e 30% de jovens diretamente envolvidos na construção da agroecologia em contraposição ao projeto dominante imposto por grupos do capital financeiro, industrial e agrário. Todas essas pessoas participarão de uma “constelação de atividades” em vários espaços que incluem a Feira de Sabores e Saberes, atividades culturais, mostra de cinema e debates públicos com momentos internos de aprofundamento de temas mobilizadores, em diálogo com organizações parceiras, na perspectiva de fortalecimento da luta por um sistema agroalimentar baseado na agroecologia e na soberania alimentar.

Na região metropolitana de Belo Horizonte, há experiências pioneiras de agricultura urbana que dialogam com o direito à cidade. Há, ainda, iniciativas inovadoras de movimentos e coletivos que propõem a ocupação dos espaços públicos e o envolvimento das juventudes em ações culturais e de defesa de direitos. Essas experiências interagem com o lema do IV ENA: “Agroecologia e Democracia Unindo Campo e Cidade”.

[1] Nota originalmente publicada no site da ANA. Acesse a Carta Convocatória na íntegra

[2] A FASE integra o Núcleo Executivo da ANA e está participando da construção do IV ENA em diferentes frentes e estados do país.

Enviando sua mensagem