Notícias

06/07/2021Direito à cidadePernambuco

FASE realiza encontro sobre direito à cidade em Pernambuco

No seminário "Plantar resistências territoriais, colher políticas públicas e coletivizar a produção da cidade" foi lançada a publicação “Reinventar Cidades em Crise”


Alcindo Batista ¹

Foto: Larissa Brainer

Com o objetivo de promover um encontro entre as 40 organizações que integram a Articulação Recife de Luta, o programa da FASE em Pernambuco realizou o seminário “Plantar resistências territoriais, colher políticas públicas e coletivizar a produção da cidade”. A atividade visou o fortalecimento e o intercâmbio de experiências e a incidência política pelo direito à cidade. Também participaram da ação organizações como o Coletivo Caranguejo Tabaiares Resiste, Recital Boca no Trombone, Ibura Mais Cultura, jovens do projeto Juventudes nas Cidades, entre outros.

Foto: Larissa Brainer

Rud Rafael, educador do programa da FASE no estado, contou que a atividade foi pensada no contexto do projeto “Áreas Populares Urbanas em Luta pelo Direito de Morar Contra a Violência Policial”. “Além de compartilhar experiências, o objetivo foi de fortalecer os parceiros, principalmente neste momento de aumento da fome, de muitas perdas e de violências, e visibilizar o papel dos movimentos em criar caminhos para construções políticas necessárias”, comenta.

O evento contou com 90% de participação das mulheres, especialmente de mulheres negras. O encontro também serviu para a reafirmar o protagonismo delas na luta urbana e para o planejamento de novas hortas, cozinhas solidárias e iniciativas de esperança e intercâmbios entre as organizações.

Na ocasião, foi lançada publicação “Reinventar Cidades em Crise: Ações da Articulação Recife de Luta na pandemia”, uma sistematização com objetivo de fortalecer os territórios populares e exigir respostas institucionais às questões evidenciadas pela pandemia.

[1] Estagiário, sob supervisão de Cláudio Nogueira

Enviando sua mensagem