Vídeos


14/07/2017Amazonia “SOJA: da promessa à destruição” “SOJA: da promessa à destruição” é uma produção do programa da Fase na Amazônia e do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR) de Mojuí dos Campos, que fica na região metropolitana de Santarém, mesorregião do Baixo Amazonas, no Oeste do Pará. Desmatamento, expulsão de trabalhadores rurais para cidade, poluição ambiental, encolhimento da agricultura familiar, risco à soberania e segurança alimentar e nutricional e perigo à saúde humana pela contaminação por agrotóxico são algumas das consequências mostradas. Mojuí dos Campos foi emancipado de Santarém e se tornou município em 2009. A agricultura familiar é a base da economia local, mas vem perdendo espaço para a soja, o latifúndio e o agrotóxico.
22/12/2016Segurança Alimentar Campanha Guardiões dos Sabores na Amazônia Vídeo produzido pelo programa da FASE na Amazônia para divulgação da Campanha Guardiões dos Sabores. A produção apresenta uma prévia do que está sendo pensado para motivar o engajamento da sociedade na luta em defesa da produção de alimentos agroecológicos, da agricultura familiar, dos povos e comunidades tradicionais e de uma alimentação realmente saudável. Seja você também um guardião e uma guardiã dos sabores! Acesse: www.guardioesdossabores.org e acompanhe as atividades da Campanha.
20/12/2016Amazonia Fala Juventude: Meu Corpo, Meu Território O vídeo "Fala Juventude: Meu corpo, meu território" foi produzido por jovens da Amazônia paraense, participantes do Programa de Formação Fala Juventude, que por meio da comunicação comunitária têm fortalecido o debate sobre Direitos Territoriais, segurança alimentar, agroecologia e autonomia das mulheres. O projeto é executado pelo programa da FASE na Amazônia e conta com o apoio das organizações Manos Unidas, ASW, Action Aid e Fasternopfer.
24/11/2016Fase Animação: “Que FASE é essa?” A animação "Que FASE é essa?" explica o trabalho da organização FASE - Solidariedade e Educação. O título é sugestivo, já que também brinca com a importância de organizações de luta por direitos e pela radicalização da democracia, como é o caso da nossa, em um contexto de crise democrática no Brasil. A produção foi elaborada em novembro de 2016, ano de golpe no país e mês em que a FASE completa 55 anos. Além de explicar quais são as atuais causas da organização, o vídeo destaca seu papel ao longo dos anos.
27/10/2016Amazonia Vídeo explica Plano de Utilização do PAE Lago Grande Esse vídeo foi realizado pela Federação das Associações de Moradores e Comunidades do Assentamento Agroextrativista da Gleba Lago Grande (FEAGLE), pela FASE e pela Federação das Associações de Moradores e Organizações Comunitárias de Santarém (FAMCOS). Nele, jovens convocam a população para a revisão do Plano de Utilização do território, que conta com 140 comunidades. O local fica no Baixo Amazonas, no Pará, sendo visado pelo agronegócio, mineração e hidrelétricas. O vídeo se mostra como ferramenta de mobilização contra possíveis degradações. A produção teve apoio do Fundo Dema, do STTR de Santarém, da Fundação Boll Brasil e da Fundação Ford.
17/05/2016Amazonia FASE no seminário “Desenvolvimento em Disputa: Por uma economia a serviço da vida” Com cinco mesas de debate, o evento, realizado pela Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais (Abong), teve por objetivo discutir o modelo atual de desenvolvimento‬ e propor paradigmas alternativos que tenham as exigências ecológicas como elemento central. O debate da segunda mesa, cujo tema foi "Economia: como superar o modelo produtivista-consumista?", contou com a participação de Guilherme Carvalho, coordenador do programa da FASE na Amazônia. O seminário aconteceu em Brasília nos dias 17 e 18 de novembro de 2015.
21/01/2016Amazonia Mobilização Nacional Indígena em Brasília – Terra Indígena Maró (PA) Vídeo registra a participação dos Borari e Arapiuns em mobilização contra a PEC 215, que transfere a competência da União na demarcação das terras indígenas para o Congresso Nacional. "Uma emenda constitucional que vem atrapalhando o movimento indígena nacional e a demarcação de terras indígenas", diz Poró Borari, da Terra Indígena (TI) Maró, que ficam em Santarém, oeste do estado do Pará. Cerca de 240 famílias indígenas reivindicam a demarcação do território, que tem uma área de 42.373 hectares. Contra eles estão interesses econômicos de ruralistas e madeireiros.
04/08/2015Amazonia Mulheres caminham por iluminação em Santarém Mulheres de Santarém (PA) percorreram com lanternas ruas escuras e inseguras. A ação, realizada em julho de 2015, foi organizada pelo programa da FASE na Amazônia, pela Federação das Associações de Moradores e Organizações Comunitárias de Santarém (Famcos), pela Associação de Moradores do bairro do Umari (Ambu) e pela Action Aid, no contexto da campanha “Cidades Seguras para as Mulheres – a cidade que se tem, a cidade que se quer ter”. A iniciativa cobra serviços públicos de qualidade nas cidades para diminuir a violência de gênero. Saiba mais sobre a campanha proposta pela ActionAid em www.cidadesseguras.org.br.
30/01/2015Amazonia Vozes do Tapajós O vídeo é uma realização do programa da FASE na Amazônia e do Fórum da Amazônia Oriental (Faor), em parceria com a Associação dos Moradores dos Bairros Uruará (AMBU) e com o Coletivo da Juventude de Belterra. A produção critica a construção de 104 hidrelétricas, entre grandes, médias e pequenas, previstas para o rio Tapajós. Traz entrevistas com jovens que destacam os prejuízos que os empreendimentos podem trazer à natureza e às formas de viver da região. O filme foi concluído no primeiro semestre de 2014. Em novembro do mesmo ano, venceu o Festival de Videos FIT, da cidade paraense de Santarém, na categoria "não profissional".
11/07/2012Agroecologia FASE no Globo Ação: Ribeirinhos de Gurupá dão exemplo de desenvolvimento local Criado em 1997 com o objetivo de apoiar a economia familiar baseada no uso sustentável da água, o projeto Manejo Comunitário do Camarão de Água Doce, instituído pelo núcleo da FASE-Amazônia no Pará, tornou-se um exemplo da importante união entre metodologias participativas e ações concretas para o desenvolvimento local. No município paraense de Gurupá, técnicas sustentáveis para o manejo do camarão – desenvolvidas em coletivo – deram novo valor ao produto local e estabeleceram a pesca familiar de camarão como uma atividade permanente, geradora de renda suficiente para 16 comunidades. O projeto chegou a receber o Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social.
07/06/2010Agroecologia Agroextrativismo de frutos do cerrado: gerando riquezas e conservando a natureza Projeto está mudando a vida de 108 famílias, duas comunidades tradicionais e cinco assentamentos de reforma agrária em Cáceres,no Mato Grosso. Sob a pressão de um intenso desmatamento do Cerrado e ainda estranguladas pela força do agronegócio exportador que toma conta da maior parte dos territórios do MT, estas famílias vêm recebendo assistência técnica a política da Fase Mato Grosso para melhorar sua subsistência econômica e seu nível de desenvolvimento social e humano.
09/01/2010Justiça Ambiental O grão que cresceu demais (parte 1) O caso da soja em Santarém e Belterra (Pará/Amazônia) A FASE-Amazônia há muitos anos faz um trabalho educativo junto aos trabalhadores e trabalhadoras rurais, do Município de Santarém, Estado do Pará, na Amazônia Brasileira. Preocupada com o futuro de inúmeras famílias quando, ao fim da década passada, se detectou os primeiros sinais da invasão, em grande escala, da monocultura da soja no bioma Amazônia ameaçando a sobrevivência dos seus ecossistemas e, consequentemente, o presente e o futuro de seus povos, repetindo algo historicamente marcado pela exploração, de fora para dentro, da região, a Fase juntamente com seus parceiros produziu esse documentário-denúncia. Nov/2005 - Realização Fase/PA - Apoio CEPEPO e Fundação Heinrich Boll
09/01/2010Justiça Ambiental O grão que cresceu demais (parte 2) O caso da soja em Santarém e Belterra (Pará/Amazônia) A FASE-Amazônia há muitos anos faz um trabalho educativo junto aos trabalhadores e trabalhadoras rurais, do Município de Santarém, Estado do Pará, na Amazônia Brasileira. Preocupada com o futuro de inúmeras famílias quando, ao fim da década passada, se detectou os primeiros sinais da invasão, em grande escala, da monocultura da soja no bioma Amazônia ameaçando a sobrevivência dos seus ecossistemas e, consequentemente, o presente e o futuro de seus povos, repetindo algo historicamente marcado pela exploração, de fora para dentro, da região, a Fase juntamente com seus parceiros produziu esse documentário-denúncia. Nov/2005 - Realização Fase/PA - Apoio CEPEPO e Fundação Heinrich Boll
09/01/2010Justiça Ambiental O grão que cresceu demais (parte 3) O caso da soja em Santarém e Belterra (Pará/Amazônia) A FASE-Amazônia há muitos anos faz um trabalho educativo junto aos trabalhadores e trabalhadoras rurais, do Município de Santarém, Estado do Pará, na Amazônia Brasileira. Preocupada com o futuro de inúmeras famílias quando, ao fim da década passada, se detectou os primeiros sinais da invasão, em grande escala, da monocultura da soja no bioma Amazônia ameaçando a sobrevivência dos seus ecossistemas e, consequentemente, o presente e o futuro de seus povos, repetindo algo historicamente marcado pela exploração, de fora para dentro, da região, a Fase juntamente com seus parceiros produziu esse documentário-denúncia. Nov/2005 - Realização Fase/PA - Apoio CEPEPO e Fundação Heinrich Boll
09/01/2010Justiça Ambiental O grão que cresceu demais (parte 4) O caso da soja em Santarém e Belterra (Pará/Amazônia) A FASE-Amazônia há muitos anos faz um trabalho educativo junto aos trabalhadores e trabalhadoras rurais, do Município de Santarém, Estado do Pará, na Amazônia Brasileira. Preocupada com o futuro de inúmeras famílias quando, ao fim da década passada, se detectou os primeiros sinais da invasão, em grande escala, da monocultura da soja no bioma Amazônia ameaçando a sobrevivência dos seus ecossistemas e, consequentemente, o presente e o futuro de seus povos, repetindo algo historicamente marcado pela exploração, de fora para dentro, da região, a Fase juntamente com seus parceiros produziu esse documentário-denúncia. Nov/2005 - Realização Fase/PA - Apoio CEPEPO e Fundação Heinrich Boll


Enviando sua mensagem